Rede do Profissional da Reciclagem.

Translate this Page






  

DISK- É PRA JÁ SERVIÇOS LTDA
 (51) 99595-9952
 SMS, WahatsApp
(51) 99595-9952
BRASIL/ cachoeirinha- RS
QUERO AJUDAR !!
 


LIXO: UMA PREOCUPAÇÃO CONSTANTE

LIXO: UMA PREOCUPAÇÃO CONSTANTE

Chama-se de lixo todo e qualquer resíduo proveniente das atividades humanas, ou gerados pela natureza em aglomerações urbanas. Os dicionários de língua portuguesa definem a palavra como sendo: coisas inúteis, imprestáveis, velhas, sem valor, aquilo que se varre para tornar limpa uma casa ou uma cidade;

Entulho; qualquer material produzido pelo homem que perde a utilidade e é descartado, porém, precisamos rever este conceito, deixando de enxergá-lo como uma coisa suja e inútil em sua totalidade. (FORMIGA, et al. 2007). Redução, detritos e reciclagem são algumas das opções mais recomendadas para a gestão ambiental dos resíduos. Tais opções, além de minimizar os problemas de disposição, da conservação dos recursos naturais, da redução do consumo de energia e do impacto negativo ao ambiente, permitem a valorização socioeconômica e ambiental dos resíduos. As estratégias, contudo, tornam-se economicamente viáveis quando estes se apresentam livres de contaminação, segregados, classificados e acondicionados corretamente (GRIPPI, 2001; PEREIRA; TOCHETTO, 2004). A pesquisa teve como objetivo o incentivo da melhoria do Meio Ambiente, da Saúde e da Qualidade de Vida da comunidade através da sensibilização e conscientização dos moradores dos bairros, fazendo a reciclagem de materiais descartáveis, não jogando lixo fora do local de coleta, minimizando assim os problemas gerados pelo descarte inadequado dos resíduos sólidos residenciais e consequentemente a quantidade de lixo para a coleta urbana.

BENEFÍCIOS DA RECICLAGEM As campanhas educativas contribuem para mobilizar a comunidade, para sua participação efetiva e ativa na implantação da coleta seletiva de resíduos sólidos, separando os materiais recicláveis e/ou reutilizáveis diretamente na fonte de geração. Mas, cabe ressaltar o papel da sociedade em geral no desenvolvimento de projetos de Educação Ambiental, que envolvem a todos, levando a ideia de que a reciclagem por si só não pode ser considerada a solução, mas que a mudança de hábitos e atitudes pode levar a sociedade a tomar medidas mais abrangentes, com ações que minimizem a quantidade de resíduos na própria fonte geradora, consumindo menos e reutilizando embalagens descartáveis. (FERREIRA,2004). Um dos benefícios da reciclagem é a recuperação de recursos naturais por meio da reutilização, reciclagem e reprocessamento de materiais antigamente tidos como lixo. Os materiais reciclados, embora sejam utilizados como substitutos de matérias primas, podem produzir um novo tipo de material, representando uma grande oportunidade econômica e social, pois gera emprego e renda, deixando assim de ser um problema para ser uma solução. E dentre algumas vantagens, estão: Diminuição da quantidade de lixo a ser aterrada; Preservação de recursos naturais; Economia de energia; Economia de água; Diminuição de impactos ambientais; Destruição de habitats; Erosão e perda e solo fértil; Danos a fauna equitiológica e assoreamentos; Geração de empregos diretos e indiretos; Novos negócios. (Lixo Municipal, IPT/CEMPRE, 2000, pág: 83 e 84). ü Econômicos: A reciclagem de 1 kg de vidro quebrado gera 1 kg de vidro novo, economizando 1,3 kg de matérias-primas, a cada 10% de utilização de cacos, há uma economia de 2,9% de energia, a reciclagem de alumínio economiza 95% da energia que seria usada para produzir alumínio primário, a reciclagem de lixo orgânico, por meio da compostagem, resulta em adubo de excelente qualidade para a agricultura (REGINA, 2009). ü Ambientais: 50 kg de papel reciclado evitam o corte de uma árvore de 7 anos, cada tonelada de papel reciclado pode substituir o plantio de até 350 m² de monocultura de eucalipto. Uma tonelada de papel reciclado economiza 20 mil litros de água e 1.200 litros de óleo combustível, a reciclagem de vidro diminui a emissão de gases poluidores pelas fábricas, a reciclagem do plástico impede um enorme prejuízo ao meio ambiente, pois, o material é muito resistente a radiações, calor, ar e água, a cada quilo de alumínio reciclado (GPAMBIENTAL, 1996). ü Sociais: A reciclagem contribui para a diminuição do volume de lixo e o Brasil produz atualmente 240 mil toneladas de lixo por dia, recoloca no ciclo de produção um material que pode contaminar o solo, a água e o ar, a reciclagem de plástico no Brasil gera cerca de 20 mil empregos diretos em 300 indústrias de reciclagem (REGINA, 2009). 9 As questões sociais do problema lixo e limpeza pública urbana envolvem a população, no que diz respeito às suas necessidades, seus desejos, suas atitudes e conhecimentos e seus relacionamentos com a proposta e serviços que lhes são oferecidos (FONSECA, 2001). A Política Nacional do Meio Ambiente tem por objetivo a preservação, melhoria e recuperação da qualidade ambiental propícia à vida, visando assegurar, no País, condições ao desenvolvimento socioeconômico, aos interesses da segurança nacional e à proteção da dignidade da vida humana (PNMA, 1991). A reciclagem por si só não resolve os problemas ambientais. Mas contribui para a redução da poluição, diminuição da quantidade de lixo nos aterros (onde há) e possibilita o reaproveitamento de materiais que antes seriam descartados.

PROCEDIMENTOS METODOLÓGICOS Faz-se necessário focar a educação ambiental como caminho para alcançar atitudes humanas que levem ao desenvolvimento sustentável. A metodologia empregada na presente pesquisa realizada no bairro. Tem uma abordagem dialética que busca o princípio da transformação da realidade a partir da investigação. Para tanto tem que ser adotadas algumas etapas as quais estão relacionadas abaixo:

  • Por meio da observação direta (intensiva) acompanhar os hábitos da comunidade, dos horários e locais de descarte inadequado dos resíduos sólidos nas ruas do bairro.
  • Anotações e uso de recursos como os registros fotográficos, para comprovação da degradação no local onde é descartado o lixo pela comunidade;
  • Verificar por meio da pesquisa feita através de questionário aplicado as pessoas no bairro, sobre o hábito dos moradores de separar o lixo e qual a forma de descarte de resíduos usada por eles;
  • Incentivar através de atitudes e práticas pessoais para um melhor descarte do lixo, levando em conta os critérios da coleta seletiva, reciclagem, reutilização e principalmente redução do consumo;

 

LOCAL DA PESQUISA O bairro que for escolhido para o projeto piloto em seu município, ou conjunto habitacional. O bairro tem em média de habitantes e é considerado um dos melhores bairros da cidade. Atualmente na cidade residem pessoas de diferentes classes sociais, na maioria das vezes não possuem conhecimentos de ações ecologicamente corretas.

 

TIPO DE PESQUISA Com base nos objetivos de uma pesquisa de campo exploratória, devem ser coletados dados através de um questionário feito para as pessoas entrevistadas que tiveram experiências com o problema pesquisado, com intuito de saber sobre os benefícios da coleta urbana e seletiva no bairro.

 

COLETA DE DADOS É muito importante saber qual destinação os moradores dão para os resíduos sólidos, se eles fazem separação do material orgânico do inorgânico (seco e molhado), se têm interesse em colaborar com a coleta seletiva no bairro (observação e história de vida). Dessa forma, será aplicado um questionário aos moradores, abrangendo um total de 100 residências, como instrumento de coleta de dados.

ANÁLISE DOS DADOS Para validar os impactos positivos com o desenvolvimento do projeto, os dados coletados serão interpretados, destacando as maneiras de descarte, antes das propostas apresentadas e realizadas.

Não tem tempo para realizar o seu projeto? Nós gerenciamos para você! A gestão de custos tem grande impacto na viabilidade do projeto e por isso tem bastante destaque de análise pelos profissionais envolvidos em seu controle pois evita custos, reduz despesas, elimina desperdício além de minimizar erros e falhas, ou seja , caso não se faça um bom gerenciamento de custos. seu projeto tem uma tendência ao superfaturamento além de possibilitar atrasos.
Anotemos tudo no papel, pesquisamos e comparemos preços, pois sempre haverá algum lugar onde podemos encontrar uma boa variação de preços, negociemos antes de fechar as compras, uma vez que estamos falando de grandes quantidades, estudemos as formas de pagamento, e sempre procuremos pelo melhor custo-benefício possível para favorecer o nosso cliente, e nisso estamos nos referindo quanto ao material, como à mão de obra, criamos os relatórios, cuidamos de todo o processo do inicio ao fim de seu projeto.
Plano especial para empresas publicas e privadas  com segurança e condições de consultoria  e pesquisas iniciais, cursos para classificação e palestras de gerenciamento de resíduos sólidos e de gestão de custo.